Aula 03 – Introdução: Os 46 kanas básicos

HIRAGANA  /  KATAKANA

SÍLABA

Atenção

Não tente decorar agora, apenas observe atentamente as diferenças entre eles, mais adiante você terá lições específicas e muitos exercícios para memorizá-los

 

Como você leu na primeira lição, existem 2 silabários que tem usos e aparência diferentes, embora gerem os mesmos sons.

Esse início é bem básico, apenas lembre-se que no Japão a ordem é a, i, u, e, o. A pronúncia similar à do português:

あ   
A

い   
I

う   
U

え   
E

お   
O

Nada de estranho aqui também, vamos em frente:

か   
KA

き   
KI

く   
KU

け   
KE

こ   
KO

Aqui a primeira diferença. Note que ao invés de SI, este caractere é SHI. Esse SHI soa como XIsto em português, por exemplo. Em frente:

さ   
SA

し   
SHI

す   
SU

せ   
SE

そ   
SO

O TI na verdade é CHI porque esta é a pronúncia mais adequada. Não é som de XI, não é som de TI (como falam no nordeste), é som de TCHI. Note também que ao invés de TU, usa-se TSU.

た   
TA

ち   
CHI

つ   
TSU

て   
TE

と   
TO

Este não tem nada diferente:

な   
NA

に   
NI

ぬ   
NU

ね   
NE

の   
NO

Aqui note que se usa FU e não HU. O FU japonês nos parece mais como um HU.

は   
HA

ひ   
HI

ふ   
FU

へ   
HE

ほ   
HO

Este não tem nada diferente:

ま   
MA

み   
MI

む   
MU

め   
ME

も   
MO

Apenas existem YA, YU e YO:

や   
YA

ゆ   
YU

よ   
YO

Esta pronúncia é complicada pois é algo entre R e L. Em japonês não tem diferença entre “melon” e “meron”, por exemplo.

ら   
RA

り   
RI

る   
RU

れ   
RE

ろ    
RO

Encerrando:

わ   
WA

ん   
N

を   
WO